segunda-feira, 11 de junho de 2018

PROVA ROXA - TERCEIRO ANO


PROVA ROXA PARA OS TERCEIROS ANOS
“MODERNIDADE”
Atenção, prezados alunos dos terceiros anos, nós estamos agora diante de apenas quatro questões de altíssimo nível, que coloca em cheque a capacidade de ler, raciocinar e responder certo. Os desafios que nos será imposto nos concursos que encontraremos adiante, não terão nenhuma complacência conosco. Boa sorte!
 
1 Fernand Léger, artista francês envolvido com o movimento cubista, tinha como princípio transformar imagens em figuras geométricas, especialmente cones, esferas e cilindros. A obra apresentada mostra o homem em uma alusão à Revolução Industrial e ao pós I Guerra Mundial e explora:
a - as formas retilíneas e mecanizadas, sem valorização da questão espacial.
b- as formas delicadas e sutis, para humanizar o operário da indústria têxtil.
c- a força da máquina na vida do trabalhador pelo jogo de formas, luz/sombra..
d- os recursos oriundos de um mesmo plano visual para dar sentido a sua proposta.
e- a forma robótica dada aos operários, privilegiando os aspectos triangulares.

2 As vanguardas européias não devem ser vistas isoladamente, uma vez que elas apresentam alguns conceitos estéticos e visuais que se aproximam. Com base nos conceitos vanguardistas, entre eles o de exploração de formas geometrizadas do Cubismo, no início do século XX, o quadro Soldados jogando cartas explora uma:
a- abordagem sentimentalista do homem.
b- imagem plana para expressar a industrialização.
c- aproximação impossível entre máquina e homem.
d- uniformidade de tons como crítica à industrialização.
e- mecanização do homem expressa por formas tubulares..

3 Cândido Portinari, nascido em 1903, em uma fazenda de café em Brodósqui, no interior do estado de São Paulo, é um dos ícones das artes plásticas no Brasil e no mundo. Sua vasta e variada obra é um dos valiosos patrimônios da cultura brasileira. A seguir, são apresentadas pinturas desse grande artista.

 
3 Na série de pinturas apresentada, Portinari
Valoriza o folclore brasileiro com a representação de tradicionais brincadeiras infantis, fenômeno da cultura popular.
a - apresenta figuras humanas em estilo tradicionalmente acadêmico, com técnica de óleo
b - sobre tela, uma influência européia em sua arte.
c - representa cenas de sua cidadezinha do interior e de sua infância de menino pobre, mas livre, que pertencem a um passado que se perdeu..
d- apresenta uma maneira própria de ver a arte, à medida que usa traços, luzes, formas, texturas, com impressões de seu estado de espírito no momento da criação.
e - Revela seu apego à cultura rural, mediante imagens impressionistas de tipos regionais remanescentes em algumas áreas do Brasil

4 Sobre a exposição de Anita Malfatti, em 1917, que muito influenciaria a Semana de Arte Moderna, Monteiro Lobato escreveu, em artigo intitulado Paranóia ou Mistificação:
Há duas espécies de artistas. Uma composta dos que vêem as coisas e em conseqüência fazem arte pura, guardados os eternos ritmos da vida, e adotados, para a concretização das emoções estéticas, os processos clássicos dos grandes mestres. (...) A outra espécie é formada dos que vêem anormalmente a natureza e a interpretam à luz das teorias efêmeras, sob a sugestão estrábica das escolas rebeldes, surgidas cá e lá como furúnculos da cultura excessiva. (...). Estas considerações são provocadas pela exposição da Sra. Malfatti, onde se notam acentuadíssimas tendências para uma atitude estética forçada no sentido das extravagâncias de Picasso & Cia. O Diário de São Paulo, dez./1917
Em qual das obras abaixo se identifica o estilo de Anita Malfatti criticado por Monteiro Lobato no artigo?



 fale com nossa diretoria

LÍBANO MONTESANTI CALIL ATALLAH
DIRETOR DE IMAGEM PÚBLICA 

WWW.TVARTPONTO.COM

ENTRE EM CONTATO CONOSCO

artponto.org@terra.com.br
______________________________________________________
______________________________________________________
Líbano Montesanti Calil Atallah


Parte superior do formulário